sábado, 3 de dezembro de 2011

Os filhos são uma viagem (Kkampus)

Os filhos são viagem

A viagem não é de avião, nem de carro,nem a cavalo,nem de carro-de-boi; Não é de trem , nem a pé.Os filhos são uma grande viagem , em direção a nossa eternidade, em direção a felicidade, ao enorme sentimento de proteção, em direção a nossa infância esquecida, às profundezas dos sentimentos dos nossos pais, ao imenso e verdadeiro amor. Minhas filhas são dois tesouros, cada uma de um jeito diferente. Traduzi-las? Talvez a poesia diga um pouco:

Poema de Eterno Riso (Brincadeira de Maria Luiza)
Malu Que já nasceu palhacinha _ Um tanto de alegria incontida Chocolate lambuzado na boca. Teimosa, nasceu nas águas de março Fugindo do trigo de abril Um peixe, peixinho, golfinhos Caiu sem querer na piscina. A dona das brincadeiras Quebrou a cadeira, também do cavalo caiu Fugiu pra Sibéria Um caranguejo prendeu Menina sem fome Sem medo de nada Um pesadelo de noite Comeu macarrão, uma eca: salada! Malu, menina peralta Gargalhada engraçada Um choro doído Foi Thor que mordeu. Mas faz um bicho nas nuvens Rodopia na grama, Um balé no espelho: Vaidade infantil Tropeçando nas letras Faz um rio de palavras Um castelo e um príncipe O laboratório de Dexter Maria Luiza Inspiração da mulher Um poema sem rimas Um sapato furado... E um poeta feliz.