sexta-feira, 20 de março de 2009

Daniel


Parece que tudo está acontecendo agora. É 19 de março de 1992, uma linda manhã, uma ansiedade saudável e eu corro pra te ver pela primeira vez. Não sei dizer o que senti ao ver aqueles olhos tão expressivos como querendo dizer-me "Papai, cheguei". E você veio, filho meu para dar mais sentido a minha vida, para mostrar-me como Deus me ama. Que orgulho ser seu pai. Amo-te como só você pode perceber. Engasgo quando pronuncio teu nome, quando sonho acordado te vendo nos filmes que crio pra nós dois. És amado por todos. Te sinto um anjo que ilumina minhas horas dificeis. Te sinto aqui bem dentro do meu ser. Filho meu, lamento não ter palavras bonitas e nem muitos ensinamentos pra te passar, mas Deus com extrema sabedoria não me exigiu tanto e só pede o meu amor. É tudo o que eu tenho pra te dar. Teu aniversário são todos os dias, mas 19 de março dos Gênios da Humanidade. Você é um deles. Um beijo, Teu Pai. hacs