domingo, 19 de agosto de 2007

O Chip Implantado (Por kkampus)

O Chip Implantado_ Uma Opinião Contra

Um cientista divulga o sucesso dum implante de um chip em seu corpo, o qual lhe permite interagir com aparelhos eletrônicos com o movimento de seu corpo. Talvez o deslumbre de um cientista , talvez inocentemente, não consiga enxergar o cabedal de possibilidades negativas, que tal tecnologia e sua evolução pode levar.
A história da humanidade está plena de evoluções cientificas, em que duelam o lado bom e ruim das tecnologias. Aliás, os grandes problemas que o planeta hoje enfrenta, inclusive com risco de aniquilamento da raça humana, advém do progresso da ciência.
Assim poderemos citar o aquecimento global, o lixo , as guerras e suas máquinas, as armas nucleares, a falta de água potável e etc...
Quanto ao chip, é claro que há interesses escusos embutidos no desenvolvimento dessa tecnologia. Parece a mim extremamente perigoso o cientista afirmar que no futuro quem não tiver esse chip implantado será uma subraça. Ora será se uma civilização só de cientistas se mantém? Que tipo de conhecimento é mais importante? Será se a nação de maior poder tecnológico é a mais civilizada? O quanto avançamos socialmente, apesar de todo esse avanço tecnológico dos últimos cem anos?
É claro que esse chip antes de tudo representa uma ferramenta de controle do cidadão, que atentará enormemente contra a sua liberdade; ou teremos uma liberdade cada dia mais vigiada. Não teremos mais refúgios, mesmo nos locais mais longínquos, pois o chip sempre o localizará. O comercio monitorizará o seu bolso , suas informações econômicas, e lhe enviará mensagens até durante o seu sono que lhe levará mais ao consumo exagerado. Imagina o uso desse chip pelo governo, pelos militares, pelos imperialistas: Você será mais dominado, além da lavagem do consumo, da absorção de sua cultura de entretenimento fútil, você poderá interagir com ``Servidores de Controle e Dominação``, levando-lhe a realizar ações geradas no incônsciente (leia computador remoto de domínio).”Eles” escolherão as suas emoções, podem lhe emburrecer, lhe deixar acrítico, lhe levar a vícios, podem lhe exterminar levando ao suicídio ou induzindo a liberacao de substancias internas, que podem levar a morte, em consequencia de choque ou parada cardiaca. Isso não é filme de ficção, será possível, isso está sendo pensado, portanto poderá acontecer.
Imagine a ordem das coisas com esse chip. Imagina um jovem de vinte anos com o conhecimento implantado de um homem de quarenta ou sessenta, o quanto doentio isso parece. Pense no tanto de artificial que existe em não se apreender com nossas experiências, com nossos erros. “Eles” vão, a partir de agora, usar a mídia, para fazer desse chip, o essencial para sua vida. Espero que a reflexão , quando ainda podemos, possa nos levar ao repudio desse diabólico recurso.
Com a palavra, os de opinião a favor.

K.Kampus.São Luis, Agosto de 2007