terça-feira, 7 de fevereiro de 2017

Bom dia, Cinho (Mauricio C Soares)

São Luís, 07 de fevereiro de 1971. No mesmo Hospital em que nasci, chegava meu irmão amado, Mauricio. Seu nome seria Marcelo, mas Deus mudou no último minuto para Mauricio, que coisa linda. Chegaste me dando um chega pra lá e, passaste a ocupar a janela do caçula. Lindo com seus cabelos lisos que lhe caíam tão bem. Com uma infância adorável, embasada no amor de todos nós. Saiba, meu amado, que tu és a pessoa mais simples e até enigmática que conheço. És puro, criterioso. Introspectivo, fechado em si e, ao mesmo tempo, és a pessoa mais aberta a ouvir. E quando ouve, tens a atitude dos grandes. Porque nessa hora, levanta o olhar e nos olha nos olhos. É FASCINANTE isso. Não gosto do time que você torce, mas fazer o que? Meu irmão, de todo meu coração, eu te amo. Ah!, ia esquecendo: Feliz aniversário. Beijão