quinta-feira, 9 de dezembro de 2010

Paolo - Malafemmena

Malafemmena

Se avisse fatto a n'ato
Chello ch'e fatto a mme,
'St'ommo t'avesse acciso,
Evvuò sapè pecchè?

Pecchè 'ncopp'a sta terra
Femmena comme a te
Nun ce hanna pe n'ommo
Onesto comme a me!

Femmena,
Tu si 'na malafemmena
Chist'uocchie 'e fatto chiagnere
Lacreme e 'nfamità...

Femmena,
Si tu peggio 'e 'na vipera
M'e 'ntussecata l'anema,
Num pozzo cchiù campà...

Femmena,
Si ddoce comme 'o zucchero
Però 'sta faccia d'angelo
Te serve pe' 'ngamà...

Femmena,
Tu si 'a cchiù bella femmena,
Te voglio bene e t'odio,
Num te pozzo scurdà...

Te voglio ancora bene
Ma tu num saie pecchè,
Pecchè l'único ammore
Si stata tu pe' me...
E mo pe' 'nu capriccio
Tutto 'e distrutto, òj nè,
Ma Dio nun t' 'o perdona
Chello ch'e fatto a mme!

Femmena...

Mulher Má

Se tivesse feito a outro
Aquilo que fizeste a mim,
Este homem a mataria
E queres saber o porque?

Porque sobre esta terra
Mulheres como você
Não devem existir para um homem
Honesto como eu!

Mulher,
Tu es uma mulher má
A estes olhos fizeste chorar
Lágrimas de infâmia...

Mulher,
Tu es pior que uma víbora
Me intoxicaste a alma,
Não posso mais viver...

Mulher...
Es doce como o açúcar
Porém esta cara de anjo
Te serve pra enganar...

Mulher...
Tu es a mais bela mulher,
Te amo e te odeio,
Não posso te esquecer...

Te amo ainda, bem
Mas tu não sabes porque,
Porque único amor
Tu foste para mim...
E tu por um capricho
Tudo destruístes, ó bela,
Mas Deus não te perdoa
Aquilo que fizeste a mim!

Mulher...