sexta-feira, 19 de junho de 2009

Rubem Alves


Rubem Alves nasceu em 15 de setembro de 1933, em Boa Esperança, Minas. A família midou para o Rio em 1945, onde colegas zombavam do seu sotaque. Buscou refúgio na religião. Teve aulas de piano. Estudou Teologia no Seminário Presbiteriano de Campinas (SP) e iniciou carreira como pastor. Teve três filhos.

Mestre em Teologia pelo Union Theological Seminary, de Nova York, com o golpe militar de 1964, perseguido como subversivo, abandona a Igreja Presbiteriana e volta aos Estados Unidos.

Torna-se doutor em Filosofia pelo Princeton Theological Seminary. Considera a tese de doutoramento, Uma Teologia de Esperança Humana (1969, Corpus Books) e foi “um dois primeiros brotos” da Teologia da Libertação. Volta para o Brasil e em 1973 vai para a Universidade Estadual de Campinas – Unicamp, onde hoje é Professor Emérito. Fez-se psicanalista. Admirador de Adélia Prado, Guimarães Rosa, Manoel de Barros, Octavio Paz, José Saramago, Frederico Nietzsche, T.S. Eliot, Albert Camus, Santo Agostinho, Jorge Luis Borges, Fernando Pessoa.

Rubem Alves, é um dos mais respeitados intelectuais do Brasil, é amado por milhões de pessoas que, como ele, desejam construir um mundo melhor do que o que recebemos ao nascer. Certamente, você não teria tempo e/ou oportunidade de ler os 80 livros de Rubem Alves. Este livro – O MELHOR DE RUBEM ALVES – contém uma síntese do seu pensamento. Ao terminar a leitura, você não será mais o mesmo. Será muito melhor do que já é.